28 de nov de 2013

Acerolinha - 9 Semanas

Postado por Pai de Vinícius em 2 comentários
"À partir desta semana o bebê deixa de ser chamado de “embrião” e passa a ser chamado de “feto”, que é uma palavra latina que significa “um jovem”.  Ele está crescendo cada vez mais, e nessa semana já está medindo aproximadamente 2.5 cm, o que pode ser comparado a uma acerola. Pesa menos de 30 gramas mas começa a parecer-se cada vez mais com um ser humano. A cauda embriônica já desapareceu e seus nervos e músculos começam a se formar. Os órgãos reprodutivos internos tornam-se os testículos caso o seu bebê seja menino e ovários caso seja menina, mas só daqui algumas semanas será possível distinguir se são masculinos ou femininos.

As pálpebras cobrem completamente os olhos e encontram-se bem fechadas e só abrirão às 27 semanas. Já tem os lóbulos das orelhas e, no final da semana, os relevos interiores das orelhas já estarão concluídos. O lábio superior também já está completo e a boca, o nariz e as narinas já são mais nítidos. As pontas dos dedos das mãos estão ligeiramente aumentadas no local onde se desenvolvem as polpas. O bebê consegue agora movimentar todos os membros. Quanto ao coração, está agora dividido em quatro câmaras e as válvulas começaram a desenvolver-se.

Ele tem um tamanho desproporcional. Sua cabeça é bem maior em relação ao seu corpo, como seus membros superiores são maiores que seus membros inferiores. Os pulsos estão mais desenvolvidos, os tornozelos já se formaram e os dedos das mãos e dos pés são claramente visíveis. Os braços vão ficando mais compridos e já se flexionam nos cotovelos. Ao fim da semana, as estruturas internas dos ouvidos estão concluídas.

O cérebro cresce enormemente: 100 mil novos neurônios são criados por minuto, formando esse órgão complexo. Protegido pelo líquido amniótico, o futuro bebê percebe a respiração e os batimentos cardíacos da mãe, os sons tornam cada vez mais audíveis. Nesta fase começa a dança do bebê. O pequeno começará a se mover vigorosamente, até pelas estimulações do mundo exterior como a luz e o som. Mas não se pode ainda sentir totalmente estes movimentos, até que entre no segundo trimestre da gravidez."

25 de nov de 2013

US de 8 Semanas

Postado por Pai de Vinícius em 0 comentários
Oi pessoal, este é meu primeiro vídeo filmado no dia 20/11/13, aqui estava com 8 semanas e 4 dias medindo 18mm, mas agora já cresci mais, rs...


Primeiro Pré-natal

Postado por Mamãe do Vinícius em 3 comentários
A Dra. Maria Inês Kalife já é minha ginecologista há pelo menos 15 anos. Então  naturalmente estou fazendo o  pré-natal e farei o parto com ela. Na primeira consulta, fomos eu e o meu amor, ela nos falou sobre tudo da gravidez, do bebê, do casal. Recomendou-nos esses dois livros, “Estamos grávidos”, de Maria Tereza Maldonado e Jean Claude Nahoum, e “Maternidade com sucesso”, de Angela Viegas Andrade e Elza Lúcia Baracho Lotti de Souza. Ela indicou também dois cursos:  O Casal grávido, do Mater Dei e o de Amamentação do Hospital Otaviano Neves e frequentar, gratuitamente, o curso de fisioterapia para grávida da UNI-BH. Ah, e me mandou fazer pilates a partir de janeiro.

Além disso, ela nos passou vários folhetos explicativos e falou sobre um assunto importante: congelar ou não as células tronco do sangue do cordão umbilical. Vamos avaliar bastante sobre o tema para definir até o final da gravidez. Pretendo até fazer uma pesquisa mais apurada e talvez até discutir este assunto aqui no blog, compartilhando opinião com outras pessoas. Se alguém quiser postar alguma coisa sobre este tema, fique a vontade!!


Enfim, a Dra. Inês nos informou muita coisa e ficou muito feliz com a notícia já que ela me acompanha há tantos anos e estava desde sempre na torcida por um bebê...rsrs..Quanto ao US, fiz na clínica DOPSOM, com o Dr. Victor Hugo, que foi bastante atencioso. O bebê mexeu bastante durante o exame!! O médico disse que ainda não daria para identificar os membros, mas que ele estava fazendo alguns movimentos. Graças a Deus, está tudo bem com o bebê!! Ele está super saltitante na minha barriga, pena que ainda não posso senti-lo...rsrs..


E quanto ao sexo!!! Façam suas apostas !!! Eu não tô com "aquela" intuição não....mas acho que é... ah, sei lá, acho que não vou chutar..rsrs..vai que o pai acerta e eu erro, aí aquela fama de intuição da mãe vai pro brejo...Ainda tá um pouco longe para saber. Vamos aguardar e, como disse a amiga Dani Carneiro, “para a grávida, um dia de cada vez, cada dia uma vitória”....


Bjim

16 de nov de 2013

Amendoinzinho - 8 Semanas

Postado por Pai de Vinícius em 0 comentários
Pessoal,

Hoje My Love completa 8 semanas de gestação e o tamanho do bebê (embrião) é algo entre 15 e 20 mm, mais ou menos um amendoim como vocês podem ver na foto. Ela está sofrendo bastante náusea e enjoos o que está bem diferente da gravidez anterior. Para ela é um certo desconforto mas vejo isto como bom sinal de que tudo está normal.

Os especialistas ainda não têm muita certeza de por que tantas mulheres passam tão mal durante o primeiro trimestre de gestação, mas, ao que parece, os grandes culpados são os hormônios da gravidez. Nos três primeiros meses, os níveis hormonais flutuam bastante. Quando eles começam a se estabilizar, por volta do segundo trimestre, a maioria das mulheres também passa a se sentir melhor.

Ela está com dificuldades de alimentação pois está tendo repulsa a alguns alimentos e frutas. Está tentando seguir a dieta da nutricionista à risca mas não está sendo fácil, rs. Já cortamos muitas coisas que gostamos como comida japonesa e doce mas o esforço vale à pena. Vou terminar o post porque daqui a pouco vou sair para encontrá-la no centro da cidade e irmos à exposição "A Magia de Escher" no palácio das artes.

15 de nov de 2013

O corpo humano é um reloginho!!

Postado por Mamãe do Vinícius em 2 comentários
Pessoal , este post é só para eu falar como estou passando... Completo amanhã, 16/11/13, 8 semanas. No dia que completei 6 semanas começaram os enjoos!! Foi impressionante!! Até então não estava sentindo nada, nem fome a mais, nem sono, apenas uma moleza no corpo, com uma falta de energia... Mas ao somar 6 semanas tudo mudou!! Não estou gostando de nenhuma comida!! Não tenho vontade de comer nada, nem mesmo a comida deliciosa da minha mãe e a da minha sogra!! Mas não deixo de comer, só que como sem vontade. Desde esse dia nunca mais senti fome... ao completar duas horas (como um despertador!) que comi já começam os enjoos.. não dá tempo de sentir fome..rsrs. Vomitei só duas vezes e bem pouquinho, mas os enjoos e a falta de apetite é todo dia! Ah, mas quer saber? Apesar de todo mal estar estou muito feliz!! Estou dando minha energia para nosso bebezinho ficar saltitando aqui na minha barriga!!
Fico realmente impressionada como o corpo é um reloginho bem pontual!! Tanto para começarem os enjoos com 6 semanas, como para todos os dias dar “fome” de duas em duas horas!!!

Ah.. Estou pesando 60,9, ou seja, engordei 900 gramas até hoje!

O próximo post será, sim, sobre a primeira consulta de pré natal!!

Bjim..


Trajetória

Postado por Mamãe do Vinícius em 2 comentários

Acho que tá faltando um post contando um pouco da minha trajetória até aqui... Então vamos lá.

Em 2003 descobri que tinha a danada da endometriose. Fiz uma videolaparoscopia que confirmou este diagnóstico e retirou um grande cisto no ovário direito. De lá para cá fiquei pelo menos 7 anos sem menstruar e doença foi embora, mas voltaria caso eu voltasse a menstruar. No final de 2010 começamos o tratamento para engravidar no Hospital das Clínicas (HC)aqui de Belo Horizonte. Lá eles não reconhecem a endometriose como causa direta de infertilidade, assim, são tentados vários métodos para engravidar e a pessoa entra em uma fila para fazer o procedimento mais caro e complexo, que é a fertilização in vitro (FIV). Fiz, então vários meses de rastreamento de ovulação com orientação de coito e indução de ovulação. Foram uns oito ou nove ciclos menstruais fazendo estas tentativas. O problema disto foi que tive que voltar a menstruar para fazer o tratamento e com isso a endometriose voltou...

Depois do insucesso deste método, que é o mais simples, fiz quatro inseminações artificiais, que também não resultaram em nada. Resolvi então procurar uma clínica particular já que a FIV no HC iria depender de chegar a minha vez na fila, o que ainda demoraria e, considerando a minha idade e meu histórico de endometriose não poderia perder muito tempo. Foi então que me indicaram a clínica Fertibaby em Contagem. O Dr. Leonardo Meyer, excelente profissional, me explicou o tratamento considerando as minhas especificidades. Pessoal, o tratamento deve ser individualizado, que leve em consideração as condições de cada paciente, de cada casal.

Assim comecei tomar os remédios para induzir a ovulação. Foram muitos remédios, muitas picadas na barriga!! Três vezes por dia estava eu furando a minha barriga.. Acabei eu mesma aplicando as injeções porque como foram uns vinte dias e pela manhã, bem cedo e à noite já mais tarde ficaria difícil conseguir alguém para aplicar nestes horários. É muita raça furar a própria barriga..rsrs. Ao final de tudo isso fiz a coleta dos óvulos, o Amor coletou o material e os bebês foram feitos... Implantei três embriões e congelei outro dois. Quatorze dias, ou melhor doze dias depois veio o tão sonhado positivo... Estava grávida de um bebezinho!! Porque eu corrigi os dias? A recomendação médica era de fazer o exame quatorze dias depois da coleta, como de praxe, mas nesta data marcada eu estaria em Vitória e no meio do feriado de Corpus Christi.. Então antecipei e fiz dois dias antes, mas já deu positivo!! Lembro que li os 53,36 e achei baixíssimo. Então liguei para a clínica para perguntar se eu teria chance e então me responderam que eu estava grávida sim, principalmente considerando que fiz dois dias antes!!

Mas infelizmente esta gravidez não foi para frente! O meu bebê estava com má formação da calota craniana. Já bem no início os médicos diziam para não ter muita esperança com o embrião pois não resistiria por muito tempo. Fizemos o acompanhamento com vários Ultrassons e o bebê só piorava.. Foi uma fase muito dolorida e complicada. Mas por fim entendi a mensagem deste meu anjinho. Ele veio me mostrar que eu poderia ser mãe, que eu poderia engravidar!! Com quatro meses e meio eu perdi o bebê que, por um aborto espontâneo, não precisei fazer curetagem. Isto aconteceu em setembro de 2012. Em agosto de 2013 transferi os nossos dois picolezinhos, os embriões congelados. Mas infelizmente também não deu, não engravidei.

Resolvemos então fazer o processo todo de novo, uma nova fertilização e implantei novamente três embriões! E agora aqui estou! Gravidinha!! Como vocês viram o primeiro Us mostrou que o bebê está bem!!

Então esta é a nossa história! Esqueci de citar o Amor nela, mas ele sempre foi um excelente companheiro, me acompanhando em todas as consultas e exames e, no que lhe cabia, sofrendo com as picadas e os efeitos colaterais dos remédios...Um super parceiro, como tem que ser, pois o tratamento exige muita cumplicidade do casal e um amor bastante solidificado para que sobreviva e se fortaleça com esta caminhada. A receita é amor, cumplicidade e persistência pois engravidar não é tão trivial como parece...

Bom, este texto grande foi para contar como cheguei até aqui...

O próximo post será sobre o primeiro pré natal.. Até breve....

Bjim

6 de nov de 2013

O Primeiro Encontro

Postado por Pai de Vinícius em 0 comentários
Então pessoal, como vocês devem ter lido no post anterior do meu amor, estamos grávidos novamente. Foi um longo e difícil caminho até aqui mas valeu à pena cada sacrifício, mais dela do que meu, mas igualmente verdadeiro.

Hoje foi o dia do primeiro US do nosso neném, o primeiro encontro. Meu amor chorou um pouquinho mas eu, como sempre, segurei. O tamanho do embrião (CCN 6,0 mm) está compatível com a idade (6 semanas e 3 dias) e o coraçãozinho está pulsando com muita vitalidade (115 bpm).

Vejam as primeiras fotos:


O próximo passo é a realização da primeira consulta de pré-natal. A nossa médica não tem mais horário para este ano mas já ligamos para ela e talvez vamos conseguir que ela nos encaixe em um horário. Ela sabe que isto é importante pois já acompanha a jornada do meu amor há muito anos.

Assim que a gatinha arrumar um tempinho (ela está muito atarefada no momento), ela escreverá aqui como foi para chegarmos neste sonho. Esperamos que isto sirva como apoio e incentivo para outras futuras mães que, como nós, têm dificuldade para engravidar.

Até a próxima!

4 de nov de 2013

Coincidências...

Postado por Mamãe do Vinícius em 0 comentários
Balão Mágico!! Sabe daquelas coincidências da vida? Entre mim e meu marido sempre acontecem!! Acho que a sintonia é realmente muito grande porque por diversas vezes temos a mesma ideia, o mesmo desejo de algo, o mesmo sentimento....

Quando disse para ele que tinha a sensação de ter um balão dentro da minha barriga, me referia a quando deito de lado e sinto minha barriga pender para o lado que estou deitada. realmente parece um balão, um pouco murcho, mas um balão que muda de forma...rsrs! Aí um dia no banheiro, no meio da noite, levantei para fazer xixi (normal agora, né!! Pelo menos duas vezes por noite..rsrs) pensei na tal sensação e ao colocar a mão na barriga e falei para mim mesma: parece um balão, só que é um balão mágico!! Mágico porque tem vidinha ou vidinhas aqui dentro, que crescerão como um passe de mágica!! Ia comentar esse pensamento com o Amor, mas acabei me esquecendo. Aí vem o lindo do Lindolfo papai e cria, como surpresa, o blog com este nome!! Muito lindo!! Amei!!!

Este blog terá algumas funções: 1) registrar (na medida do possível) este momento mágico que estamos vivendo; 2) informar minha família e amigos, que queiram saber, desta minha trajetória; 3) trocar algumas experiências com outras mamães; 4) servir de guia para nossos filhos, caso queiram, algum dia ler sobre o surgimento deles; 5) ajudar algumas mulheres ou casais que passam por trajetória semelhante à nossa para realizar o sonho de serem pais...

Ufa, quanta tarefa!!! Mas já vou logo avisando: este blog não pode servir como “diagnóstico” para ninguém, pois os remédios, o tratamento indicado, enfim as informações que postarmos aqui se encaixam para o nosso caso em particular. Não tenho a pretensão de medicar nenhuma mulher ainda que tenha problema semelhante ao meu.. Nada substitui o médico e um diálogo bem aberto com ele para que seja indicado o melhor caminho para cada casal... Outro aviso: não sou muito disciplinada para escrever e postar, então provavelmente os meus posts não terão muita regularidade....rsrs.

Este primeiro post é só para dizer que amei a criação dele pelo meu Amor e para dar os recadinhos iniciais... No próximo vou contar de forma breve a minha trajetória e o caminho até aqui...

Bjim..

Até o próximo!!!
 

Designed by Miss Rinda | Inspirated by Cebong Ipiet | Image by DragonArtz | Author by YOUR NAME :)